Share
 
 
 
Domingo, 24 de Março de 2019


Publicite no Portal HACCP

subscreva o nosso feed rss
Bookmark e Partilhar Facebook Twitter

Untitled Document
Registo
Login

Registe-se

Recuperar Password

Untitled Document
Pub
 
 
Untitled Document
Conteúdos
 Transporte de Bens Alimentares

 HACCP

 Alimentação

 Microbiologia Alimentar

 Higiene Alimentar

 Conservação de Alimentos

 Limpeza e Desinfecção

 Actualidades

 Agricultura Biologica

 Doenças de Oirgem Alimentar

 Rotulagem

 Organismos Geneticamente Modificados

 Produtos Tradicionais (DOP, IGP, ETG)

 Entidades de Segurança Alimentar

Mais Conteudos 

Conteúdos - Segurança Alimentar
 
 

Vitamina M

O Ácido fólico (B9 ou Vitamina M), da família dos folatos, ajuda a formar o ácido tetrahidrofólico, que actua como uma coenzima no metabolismo dos aminoácidos, na formação dos ácidos nucléicos, das hemácias e do tecido nervoso. Ele tem uma acção específica na regeneração e na maturidade das hemácias. É, pois, um factor indispensável do equilíbrio da fórmula sanguínea e de seu bom funcionamento.

A deficiência provoca a anemia megaloblástica. Evita doenças do tubo neural e partos prematuros. É indicado para todo o tipo de anemia, em particular a dos debilitados, prematuros, bebés, anemias macrocitárias da gravidez, anemias carenciadas e perniciosas, anemia dos gastrectomisados, doença celíaca, hepatites infecciosas, poliomielite, agranulocitose, desinteria, leucopenias e todas as síndromes hemorrágicas.

Mas é necessário saber que o ácido fólico não possui nenhuma acção sobre as anemias hipocrómicas aplasticas e sobre as leucemias mielóides. Por outro lado, os anti-convulsivos (fenitoína e barbitúricos)e os contraceptivos orais podem ser responsáveis por um certo grau de carência fólica (anemia megaloblástica associada à leucopenia) pelo fato de que os eritroblastos incapazes de exercer bem sua mitose morrem na medula óssea. Daí a glossite, diarreia, estomatite, dermites herpetiformes e exfoliáceas, acne rosácea, eczema e mesmo anomalias fetais.

São alguns exemplos de alimentos ricos em Ácido Fólico: Hortaliças verdes (espinafre, couve, couve flor); cogumelos; em quantidade significativa, sob a forma de poliglutamato, no timo da vitela, nos rins, nos músculos, nos ovos, frangos, queijos, além de outros vegetais como cenoura, ervilhas, batata e germe de trigo além de levedura de cerveja. Está presente em fracas doses no leite e praticamente ausente no leite de cabra (daí o perigo de se alimentar os bebés exclusivamente com esse leite).

O ácido fólico é desprovido de toxicidade. Não existe hipervitaminose para ele. Os antibióticos e as sulfamidas inibem a síntese do ácido fólico, devido à destruição das bactérias intestinais que eles provocam.

 
   

Ajuda